Puede usar las teclas derecha/izquierda para votar el artículo.Votación:1 estrella2 estrellas3 estrellas4 estrellas5 estrellas (1 votos, promedio: 5,00 sobre 5)
LoadingLoading...

Mundo

20 CRIANÇAS ENTRE AS VÍTIMAS DE JAN SHIJUN (SÍRIA)

O número de mortos pelo suposto bombardeio químico ocorrido na terça-feira, na cidade de Jan Shijun, no norte da Síria, subiu para 72 pessoas, entre elas 20 crianças, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira pelo Observatório Sírio de Direitos Humanos.


Entre os mortos também estão 17 mulheres, segundo a ONG, que anteriormente tinha estimado em 58 o número de pessoas mortas pelo suposto ataque químico na cidade que está em uma zona sob controle rebelde.

A ONG alertou que nas últimas horas aconteceram novos bombardeios em Jan Shinjun, realizados por aviões de guerra não identificados, mas não há registro de vítimas.

Tanto o governo de Damasco como a oposição trocam acusações do ataque, ocorrido na cidade localizada na província de Idlib, uma região que em sua maioria está em mãos dos rebeldes e de facções islâmicas.

Segundo a Defesa Civil da Síria, que fornece serviços de resgate em áreas fora do controle das forças governamentais, o ataque expôs a substâncias químicas cerca de 300 pessoas.

Os feridos apresentavam sintomas de asfixia, vômitos, espasmos e alguns jogavam espuma pela boca, segundo denunciaram algumas fontes.

A cidade de Jan Shijun tem aproximadamente 75 mil moradores, muitos deles procedentes da vizinha província de Hama, e está sob o controle do Exército Livre Sírio (ELS), de acordo aos dados proporcionados à Agência Efe pelo diretor do Centro de Informação de Idlib, Obeida Fadel.

Horas depois do suposto ataque químico, aviões de guerra voltaram a atacar um centro médico da cidade, que ficou impedido de funcionar.

A Coalizão Nacional Síria (CNFROS), principal aliança da oposição, acusou aviões governamentais de ter atacado Jan Shijun com projéteis que contendo gás sarin, mas tanto Damasco como a Rússia, sua principal aliada, negaram o fato.

O Conselho de Segurança da ONU se reunirá com urgência hoje para analisar o suposto ataque químico, a pedido da França e do Reino Unido.

Já o governo dos Estados Unidos considerou o ataque como um provável “crime de guerra” e responsabilizou diretamente o presidente sírio, Bashar al Assad.


Cairo, 5 de abril de 2017, EFE /Practica Español


Apuntes de gramática: el pretérito perfecto simple,  las preposiciones por y para 


Vocabulario de la noticia. Descárgatelo en pdf.Alt= Icono descarga de PDF


Noticia relacionada


Comprensión del texto B.1 (Comprehension B.1)

Congratulations - you have completed . You scored %%SCORE%% out of %%TOTAL%%. Your performance has been rated as %%RATING%%
Your answers are highlighted below.
Question 1
En el texto se dice que...
A
Hubo un ataque en la capital siria.
B
Hubo varios ataques terrestres en el norte de Siria.
C
Hubo varios ataques aéreos en Siria.
Question 2
Según el texto...
A
Los atacantes han reconocido que utilizaron armas químicas.
B
Los atacantes estuvieron a punto de utilizar armas químicas.
C
Se piensa que los atacantes utilizaron armas químicas.
Question 3
En el texto se dice que...
A
El ataque ha causado cientos de víctimas mortales.
B
La mayoría de las víctimas mortales son mujeres y niños.
C
Al menos casi cien personas han muerto en ese ataque.
Question 4
Ningún menor edad murió en ese ataque.
A
No se sabe.
B
Falso.
C
Verdadero.
Question 5
La localidad atacada...
A
Está controlada por el presidente de Siria.
B
Está dominada por los rebeldes.
C
Está controlada por las personas que apoyan a Bachar al Asad.
Once you are finished, click the button below. Any items you have not completed will be marked incorrect. Get Results
There are 5 questions to complete.


Noticias al azar