Puede usar las teclas derecha/izquierda para votar el artículo.Votación:1 estrella2 estrellas3 estrellas4 estrellas5 estrellas (4 votos, promedio: 4,00 sobre 5)
LoadingLoading...

Mundo

Corpo de fundador de maior rede de cafés da Índia é achado em rio

Nova Délhi I  As autoridades da Índia acharam nesta quarta-feira na margem de um rio no sul do país o corpo de VG Siddhartha, fundador da maior rede de cafés da Índia, Café Coffee Day, que supostamente se suicidou após se jogar de uma ponte.


Siddhartha estava desaparecido desde segunda-feira e seu corpo foi achado na margem do rio Nethravathi em Mangaluru, cidade no estado de Karnataka, afirmou à Agência Efe um porta-voz da polícia local, que pediu anonimato.

“O corpo foi localizado e está sendo realizada a autópsia”, acrescentou a fonte.

Siddhartha tinha enviado na segunda-feira uma carta aos seus funcionários na qual explicava a “tremenda pressão” à qual estava sendo submetido pelas autoridades fiscais indianas, segundo o texto divulgado na imprensa local.

Horas depois, ao se aproximar de uma ponte sobre o rio Nethravathi, pediu ao seu motorista que o deixasse lá enquanto estacionava, que queria dar uma volta, e não o voltou a ser visto, o que desencadeou a hipótese de suicídio, segundo explicou o motorista à polícia ao denunciar o desaparecimento.

A notícia sobre a localização do corpo do magnata da Coffee Day Enterprises – com negócios também em empresas tecnológicas e de logística – desencadeou pelo segundo dia consecutivo uma queda das ações da companhia na Bolsa de Mumbai.

A Bolsa de Bombaim tinha informado na terça-feira sobre uma “reunião de emergência” da direção da companhia, além de uma comunicação interna com a BSE na qual a Coffee Day Enterprises tentava tranquilizar os investidores após o desaparecimento.

“Siddhartha, presidente e diretor-geral da Coffee Day Enterprises, não é localizado desde segunda-feira (…) A companhia é dirigida com profissionalismo e liderada por uma equipe competente, o que assegura a continuidade do negócio”, ressaltou a empresa.

O magnata abriu em 1996 seu primeiro Café Coffee Day na cidade de Bangalore, um oásis para apaixonados do café em um país no qual predomina o gosto pelo chá, e agora, mais de duas décadas depois, a companhia é líder nacional no setor, com 1.722 estabelecimentos em 245 cidades indianas. EFE

Noticia relacionada


Noticias al azar