Puede usar las teclas derecha/izquierda para votar el artículo.Votación:1 estrella2 estrellas3 estrellas4 estrellas5 estrellas (1 votos, promedio: 5,00 sobre 5)
LoadingLoading...

Mundo

Governo dos EUA e estados americanos processam Google por monopólio

Washington / O Departamento de Justiça dos Estados Unidos e mais 11 estados americanos entraram com um processo na justiça contra o Google, sob a alegação de monopólio nos mercados de anúncios e buscas na internet, após um ano de investigação.

O promotor adjunto do Departamento de Justiça, Jeffrey A. Rosen, explicou, em entrevista coletiva virtual, que a denúncia indica que a companhia sustenta o papel de “principal guardião de acesso” à internet, através de uma “rede ilegal de acordos exclusivos”.

O texto, por exemplo, cita os bilhões de dólares pagos à Apple, para inserir o motor de busca do Google como o básico nos aparelhos iPhone, além da proibição de integrar ferramentas de concorrentes, mediante contratos especiais.

Atualmente, a companhia, subsidiária da Alphabet e que tem sede em Mountain View, no estado da Califórnia, controla cerca de 80% das buscas na internet nos Estados Unidos.

A batalha legal poderia durar anos, graças ao poderio financeiro da empresa, uma das referências tecnológicas na criação do mercado digital global, que foi fundada em 1998 no Vale do Silício.

Nos últimos anos, as companhias do setor vêm enfrentando críticas de diferentes governos e blocos, como a União Europeia (UE), por causa da grande quantidade de poder que acumulam, pelos lucros exorbitantes que obtêm e baixos impostos que impõem.

Outros grandes conglomerados digitais, como Facebook, Apple ou Amazon, estão sendo investigados por reguladores e legisladores, preocupados com possíveis casos de abuso de poder. (20 de outubro de 2020, EFE / PracticaEspañol)

As notícias relacionadas em vídeo:


Noticias al azar

Multimedia news of Agencia EFE to improve your Spanish. News with text, video, audio and comprehension and vocabulary exercises.