Puede usar las teclas derecha/izquierda para votar el artículo.Votación:1 estrella2 estrellas3 estrellas4 estrellas5 estrellas (1 votos, promedio: 5,00 sobre 5)
LoadingLoading...

Mundo

Sarkozy é indiciado por financiar campanha com dinheiro líbio em 2007

Paris / O ex-presidente da França, Nicolas Sarkozy, foi indiciado pelo suposto financiamento ilegal da sua campanha de 2007 com dinheiro do ex-líder líbio Muammar Kaddafi e posto em liberdade sob controle judicial, segundo informou o site do jornal “Le Monde”.

Após 25 horas de interrogatório sob detenção, os juízes que instruem a causa acusaram o ex-chefe de Estado pelos crimes de corrupção passiva, financiamento ilegal de campanha eleitoral e receptação de dinheiro líbio.

Essa é a segunda vez em que Sarkozy é indiciado pela Justiça francesa, que já lhe acusou em um caso de corrupção.

O interrogatório tinha começado nesta terça-feira e, incluindo um recesso de nove horas durante a noite, se prolongou até o final da tarde hoje, momento no qual foi apresentado aos juízes.

Os agentes da divisão anticorrupção OCLCIFF lhe interrogaram na sede da Polícia Judicial de Nanterre, nos arredores de Paris.

Faltando informações sobre o conteúdo de seu depoimento, o advogado do ex-ministro de Interior e braço direito de Sarkozy durante muitos anos, Brice Hortefeux, – que na véspera passou 15 horas perante os mesmos oficiais da OCLCIFF -, ofereceu hoje algumas pistas.

O advogado Jean-Yves Dupeux contou à emissora “BFMTV” que os agentes tinham bombardeado com pelo menos 200 perguntas seu cliente, que negou categoricamente que Sarkozy tivesse se beneficiado de um financiamento líbio.

Hortefeux afirmou na sua conta do Twitter que “as precisões apresentadas devem permitir pôr fim a uma sucessão de erros e de mentiras”.

Essa posição, que inclui uma queixa de instrumentalização da Justiça, é a que manteve quando foi questionado sobre este assunto o próprio Sarkozy, que se esforçou para desqualificar aquele que aparece ser uma das principais testemunhas contra ele, o marchand de armas e intermediário Ziad Takieddine.

Este turvo personagem franco-libanês é um dos acusados neste processo aberto em janeiro de 2013 por acusações de corrupção, tráfico de influência e desvio de fundos.

Como prova existe por enquanto o documento publicado em abril de 2012 pelo site “Médiapart”: uma nota de dezembro de 2006 de Musa Kusa, que era chefe dos serviços secretos de Kaddafi, sobre a concessão de uma verba de 50 milhões de euros para a campanha de Sarkozy.

Faltando identificar formalmente giros bancários diretos da Líbia às contas do candidato Sarkozy, os investigadores constataram que os responsáveis dos preparativos eleitorais manejavam muito dinheiro.

A sua explicação é que tinham recebido fundos de doadores anônimos. Mas depois disso surgiu o relato de Takieddine, que, depois de ter dado diferentes versões, em dezembro de 2016 acabou confessando que ele mesmo se encarregou, entre o final de 2006 e o início de 2007, do transporte entre Trípoli e Paris de 5 milhões de euros que entregou em mãos ao ex-ministro Claude Guéant e ao próprio Sarkozy.

Guéant, que foi o diretor de campanha em 2007 e que durante a presidência que começou em maio desse ano se encarregou de muitas das missões francesas perante o regime de Kaddafi, é outro dos acusados neste processo.

O terceiro é o magnata saudita Khalid Bushan, a quem é atribuído um repasse a favor de Guéant no valor de 1 milhão de euros. (21 de março de 2018, EFE/Practica Español)

Noticia relacionada


Comprehension

Lee la noticia y responde las preguntas. (Read and answer the questions)

Congratulations - you have completed Lee la noticia y responde las preguntas. (Read and answer the questions). You scored %%SCORE%% out of %%TOTAL%%. Your performance has been rated as %%RATING%%
Your answers are highlighted below.
Question 1
En el texto se dice que…
A
un juez deja sin cargos a un expresidente francés por falta de pruebas.
B
un expresidente de Francia ha sido imputado por un presunto delito de financiación ilegal.
C
un expresidente francés ha sido condenado por haber financiado ilegalmente una campaña electoral.
Question 2
Según el texto, Sarkozy fue interrogado…
A
durante un día y medio.
B
solo durante un par de horas.
C
durante más de dos días.
Question 3
Se acusa a Sarkozy de...
A
haber recibido dinero del régimen de Gadafi para financiar una campaña electoral.
B
haber pedido dinero prestado al régimen de Gadafi para poder pagar una campaña electoral.
C
haber rechazado dinero del régimen de Gadafi para financiar una campaña electoral.
Question 4
Hasta ahora, Sarkozy nunca había sido imputado por un delito de corrupción.
A
¡Quien sabe!
B
Así es.
C
Para nada.
Question 5
Según el texto, una de las personas que también están imputadas…
A
no recuerda si entregó grandes cantidades de dinero en efectivo a Sarkozy.
B
asegura haber entregado a Sarkozy millones de euros en efectivo.
C
niega que haya entregado dinero en efectivo a Sarkozy.
Question 6
Según el texto, Ziad Takieddine es…
A
un vendedor de armas que aún no ha sido inculpado por el juez.
B
un vendedor de armas que está imputado por haber cometido varios delitos.
C
uno de los principales testigos que el juez dejó sin cargos por falta de pruebas.
Question 7
El abogado que defiende a Sarkozy…
A
reconoce que su cliente recibió dinero de Gadafi.
B
no cree que su cliente sea inocente.
C
negó rotundamente que su cliente haya recibido dinero de Gadafi.
Once you are finished, click the button below. Any items you have not completed will be marked incorrect. Get Results
There are 7 questions to complete.

Noticias relacionadas