Puede usar las teclas derecha/izquierda para votar el artículo.Votación:1 estrella2 estrellas3 estrellas4 estrellas5 estrellas (1 votos, promedio: 5,00 sobre 5)
LoadingLoading...

Mundo

Trump tenta desorientar Biden em debate caótico e ácido

Lucía Leal / Cleveland (EUA) /  O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tentou desorientar seu adversário nas eleições de 3 de novembro, o candidato democrata Joe Biden, com interrupções constantes em um debate caótico e ácido, o que reforçou a incerteza sobre o que acontecerá no dia seguinte ao pleito.

Trump e Biden tiveram nesta terça-feira o primeiro de três debates previstos até as eleições. O evento aconteceu em Cleveland, no estado de Ohio, considerado um dos mais decisivos na corrida à Casa Branca. Lá, os dois debateram por mais de 90 minutos seguidos algumas das questões que mais preocupam os eleitores, mas todas as tentativas de aprofundar essas questões foram frustradas por interrupções ou ataques pessoais.

“É difícil conseguir pronunciar uma só palavra com este palhaço”, afirmou Biden durante o debate, embora mais tarde ele mesmo tenha se corrigido: “desculpem-me, esta pessoa”.

MUITOS ATAQUES, POUCO CONTEÚDO

Na verdade, Trump não parou de interromper seu oponente durante todo o debate, a ponto de o moderador, o jornalista Chris Wallace, da “Fox News”, ter que lembrar ao presidente americano pelo menos duas vezes que sua campanha se comprometeu a respeitar o tempo dado a cada candidato para responder às perguntas.

Biden zombou de Trump por “tagarelar” enquanto ele falava e, em certo momento, disparou um “você pode calar a boca?”, mas conseguiu completar vários dos argumentos que tinha preparado e tentou se dirigir diretamente aos eleitores americanos, olhando fixamente para a câmera – e evitando fitar Trump na maior parte do tempo.

“Sob este presidente, ficamos mais fracos, mais pobres, mais doentes, mais vulneráveis e mais divididos”, disse o ex-vice-presidente dos Estados Unidos nos mandatos de Barack Obama (2009-2017).

Trump acusou Biden de ser “socialista” e “controlado” pela ala esquerda de seu partido logo no início do debate, o que levou a disputa ao nível pessoal.

O presidente também repetiu sua acusação – não fundamentada – de que Hunter, filho de seu adversário, cometeu “corrupção” ao trabalhar para uma companhia de gás na Ucrânia enquanto seu pai era vice-presidente.

E Biden fez ainda mais insultos do que recebeu, chamando o presidente de “mentiroso”, “racista” e “sem pistas”.

“Saia de seu bunker (na Casa Branca) e de seu banco de areia do campo de golfe, e faça o que precisa ser feito para salvar vidas (da pandemia).

INCERTEZA ELEITORAL

O presidente dos EUA estava mais preocupado em reagir ao que Biden estava dizendo do que em tentar enviar mensagens claras aos eleitores, e enfatizou seus slogans favoritos de campanha: sua defesa da lei e da ordem, e as acusações conspiratórias de que as eleições de novembro podem ser “manipuladas” em favor do candidato democrata.

“É uma fraude, e é uma pena”, disse Trump, enfatizando o argumento de que o voto por correio favorece a fraude eleitoral, algo que vários estudos têm demonstrado não ser verdadeiro.

Trump disse que, devido aos atrasos causados pela pandemia da Covid-19 e pelo aumento do número de votantes pelo correio, o resultado da eleição poderia levar “meses” para ser conhecido, mas se recusou a responder com um “sim” à questão sobre se ele se comprometeria a apaziguar seus próprios eleitores caso o vencedor não seja conhecido em 3 de novembro.

“O que apelo aos meus apoiadores é a ir às urnas e observar tudo com muito cuidado, porque é isso que eles têm que fazer”, disse.

Já Biden respondeu diretamente “sim” à questão sobre se pedirá calma até que o vencedor da eleição fosse conhecido, e disse que seu oponente “está simplesmente com medo de contar os votos”.

Trump enfatizou assim sua sugestão recorrente de que ele poderia não aceitar o resultado da eleição se não for declarado vencedor, e repetia sua expectativa de que a questão acabaria na Suprema Corte, cuja maioria republicana poderia ser reforçada se o Senado aprovar uma nova juíza indicada por ele antes da eleição.

RACISMO E QUESTÃO AMAZÔNICA

O presidente americano também se recusou a responder diretamente à pergunta sobre se estava disposto a condenar as ações de supremacistas brancos e suas milícias no país, afirmando que “quase tudo” o que vê (de distúrbios) “vem da esquerda”.

O candidato democrata alegou que Trump está “constantemente jogando gasolina no fogo” e está evitando qualquer crítica clara a esses grupos porque é de seu interesse “criar um ódio racista, uma divisão racial” no país.

O que Trump esclareceu é que ele acredita que a atividade humana contribui “até certo ponto” para a mudança climática, enquanto seu concorrente prometeu que, se vencer, recolocará os EUA ao acordo climático de Paris e ameaçará o Brasil com “consequências econômicas significativas” se o país não parar de “mutilar a floresta tropical amazônica”.

“O PIOR DEBATE DA HISTÓRIA”

A noite turbulenta em Cleveland deixou um sabor amargo na boca de muitos eleitores e comentaristas políticos, que lamentaram a falta de um debate rico em conteúdo sobre as questões que interessam aos americanos.

“Este será considerado o pior debate presidencial da história, e põe em questão a viabilidade dos próximos dois debates”, disse o diretor de debates da Universidade de Michigan, Aaron Kall. (30 de setembro de 2020, EFE / PracticaEspañol)

As notícias relacionadas em vídeo:


Comprensión y vocabulario

Lee la noticia y responde a las preguntas

Congratulations - you have completed Lee la noticia y responde a las preguntas. You scored %%SCORE%% out of %%TOTAL%%. Your performance has been rated as %%RATING%%
Your answers are highlighted below.
Question 1
En general, el texto habla de...  
A
cuándo se celebran los próximos comicios en EE.UU.
B
lo que dijo Trump sobre el hijo de Joe Biden.
C
cómo fue el primer debate entre los candidatos a la Presidencia de EE.UU.
Question 2
Leyendo el texto entendemos que...  
A
ninguno de los candidatos faltó el respeto a su rival durante el debate.
B
en ningún momento Trump interrumpió a Biden.
C
los candidatos no profundizaron en los temas que preocupan a los votantes.
Question 3
En el texto se dice que...  
A
Trump no cree que pueda haber fraude electoral con el voto por correo.
B
Biden considera que hay más pobreza en EE.UU. desde que Trump entró en la Casa Blanca.
C
Trump ve innecesario que sus seguidores tengan que ir a los lugares de votación para observar todo lo que se hace allí.
Question 4
Según el texto...  
A
Trump considera que casi todos los disturbios que hay en el país vienen de la izquierda.
B
este ha sido uno de los mejores debates presidenciales de EE.UU.
C
los estadounidenses no podrán votar por correo por la pandemia del coronavirus.
Question 5
En el vídeo se ve que...  
A
el moderador está sentado.
B
en ningún momento los dos candidatos están de pie.
C
ninguno de los candidatos lleva corbata.
Question 6
Se dice que algo es "caótico" cuando...  
A
es confuso y desordenado.
B
es claro.
C
hay orden.
Question 7
Un sinónimo de "burlarse" es...    
A
"mofarse".
B
"respetar".
C
"tolerar".
Question 8
"Cotorrear" es...    
A
hablar mucho.
B
estar pensativo.
C
estar callado.
Question 9
Se dice que "no tienes ni idea" cuando...  
A
sabes mucho sobre algo.
B
se te ocurre una idea.
C
no sabes nada sobre algo.
Once you are finished, click the button below. Any items you have not completed will be marked incorrect. Get Results
There are 9 questions to complete.

Noticias al azar

Multimedia news of Agencia EFE to improve your Spanish. News with text, video, audio and comprehension and vocabulary exercises.